Conheçam as funções dos Suplementos Alimentares

Heey galera! Beleza?

Eu sei que muitas pessoas que estão começando essa vida saudável e fitness ainda não sabem quais são exatamente as funções do suplementos alimentares, para que eles servem e tudo mais. Sendo assim, eu resolvi dar um pesquisada sobre o assunto e fazer esse post com informações dos principais suplementos, para quem ainda não sabe ficar apar do que vai precisar comprar e tomar.

Suplementos

Imagem

Confiram a lista:

BCAA: Os BCAAs, ou também conhecidos como aminoácidos de cadeia ramificada (da sigla em inglês Branched Chain Amino Acids), constituídos pela L-Leucina, L-Valina e L-Isoleucina, são aminoácidos essenciais, ou seja, que o corpo humano não produz e, portanto, necessitam ser consumidos da alimentação) os quais estão fortemente associados com a síntese proteica. O ideal é ingerir a dosagem recomendada antes e depois do treino.

Exemplo de suplementação com BCAAs para praticantes de musculação:

Iniciantes: 5-10g de BCAAs imediatamente antes e após o treinamento.

Intermediários: 5-10g de BCAAs ao acordar e 5-10g de BCAAs imediatamente antes e após o treinamento.

Avançados: 8-15g de BCAAs imediatamente antes do treinamento, 8-20g de BCAAs imediatamente após os treinamentos, 5-10g de BCAAs ao acordar e 5g-10g de BCAAs com algumas refeições.

Whey Protein: O Whey Protein é uma proteína de rápida absorção. Garante consistência do volume corporal entre outros benefícios, por isso o ideal é ingeri-lo imediatamente depois do treino.

Albumina: Essa é uma proteína de absorção lenta. Por isso, é recomendado consumi-la em um horário no qual o corpo assimila os nutrientes de forma gradativa. Assim, ingeri-la antes de dormir ou logo ao acordar é ideal.

Hipercalóricos: Os Hipercalóricos são grandes aliados para indivíduos que necessitam elevar seu peso, mas, possuem dificuldade nesse quesito. Sendo promotores de altas quantidades energéticas, esses produtos, normalmente em pó, podem complementar uma refeição ou substituir as mesmas.

Exemplo de utilização de Hipercalóricos por praticantes de musculação:

Iniciantes: Ao acordar, imediatamente antes e após o treinamento.

Intermediários: Ao acordar, imediatamente após o treinamento e entre “refeições principais” (consideradas por alguns como café da manhã, almoço e jantar).

Avançados: Ao acordar, imediatamente antes e após o treinamento, em complemento e/ou substituição de refeição.

Vale ressaltar que as quantidades podem variar de acordo com o produto a ser utilizado (pois podem apresentar grandes diferenças nas quantidades e ratio dos macronutrientes), bem como da individualidade da necessidade nutricional de cada um.

Creatina: Deve ser ingerida imediatamente após o treino em conjunto com uma fonte de carboidratos de alto índice glicêmico como a Dextrose e/ou Malto. É um suplemento perfeito para manter o equilíbrio do organismo após os exercícios.

Exemplo de suplementação com creatina para praticantes de musculação:

Iniciante: 0,1g/kg de creatina acompanhado de 0,2-0,5g/kg de carboidratos de fácil digestão (em especial waxy maize ou maltodextrina).

Intermediário: 0,1g/kg de creatina acompanhado de 0,2-0,5g/kg de carboidratos de fácil digestão (em especial waxy maize ou maltodextrina).

Avançado: 0,1g/kg de creatina imediatamente após o treino acompanhado de 0,2-0,5g/Kg de carboidratos de fácil digestão (em especial waxy maize). Adicionais 5g de creatina 3-5X ao dia antes da refeição sólida e sem a necessidade da adição obrigatória de carboidratos.

L- Glutamina: A Glutamina, ou L-Glutamina é o aminoácido presente em maior abundância no corpo humano. Desempenhando inúmeros fatores os quais variam desde a síntese de glicogênio, a construção do tecido muscular, ao sistema imunológico, ao ciclo da amônia entre outros, esse é um aminoácido que tem sido associado, frente a refutas, a menores índices de fadiga muscular, melhora na recuperação e também no sistema imunológico, que, como citado, é fortemente impactado na atividade física.

Exemplo de suplementação com L-Glutamina para praticantes de musculação:

Iniciantes: Desnecessário o uso. Caso seja feito, 5-10g imediatamente antes e após o treinamento.

Intermediário: Desnecessário o uso. Caso seja feito, 10-15g imediatamente antes e após os treinamentos e, se necessário, 5g ao acordar e antes de dormir.

Avançados: 5-20g ao acordar e antes de dormir, 15-30g imediatamente antes e após o treinamento e 10-15g distribuídos ao dia.

Então é isso galera! Espero ter ajudado com esse post, as pessoas que não faziam ideia de quais são as funções desses suplementos e nem quais tinham que tomar.

Fort abraço e beijo na bunda! 💋

10 Benefícios dos Ovos de Codorna

Heey galera! Beleza? Todos nós conhecemos o ovo de codorna, não é mesmo? Mas nem todo mundo sabe dos múltiplos benefícios que esses ovinhos podem nos dar.

Bom, os Benefícios do Ovo de Codorna são ótimos para a saúde geral do corpo. Pois, ele é uma excelente fonte de proteínas, que são: ferro, fosforo, cálcio e potássio. Possuem também as vitaminas A, B1, B2. Tem um valor baixo em gorduras saturadas e rico em uma variedade de minerais, assim como vitaminas que são muito importantes para a saúde do corpo. Portanto, os ovos de codorna é um suplemento perfeito para aqueles que querem enriquecer a dieta ou melhorar a saúde e bem-estar.

Ovos de codorna

Ajuda a combater a úlcera: para as pessoas com úlceras estomacais, os ovos de codorna podem ser crucial, pois funciona como um combatente natural contra doenças digestivas.

Ajuda a combater a anemia: sim, o ovo de codorna também ajuda a combater a anemia, eles aumentam o nível de hemoglobina no organismo ao mesmo tempo ajuda na remoção de toxinas e metais pesados que possam estar no corpo. Além disso, ele é recomendado para mulheres grávidas, uma vez que eles estão em alto risco de tornando-se anêmicas.

Valor calórico: tomando por base que 1 ovo de galinha (50g) = 5 ovos de codorna (50g). Foi calculado que 1 ovo de galinha contém 82,1 calorias e os 5 ovos de codorna 80,5 calorias. Ambos são considerados leves na tabela nutricional. Claro, comendo-os sem exageros, nas quantidades certas por dia.

Constrói tecidos musculares: com tantas proteínas eles vão contribuir na renovação dos tecidos musculares do nosso corpo, garantindo o seu bem estar e sua saúde.

Para a beleza: o ovo de codorna tem a capacidade de melhorar a cor da pele, deixando-a mais bonita e fortalece o cabelo, tornando-o brilhante. Pois, eles são frequentemente utilizados em máscaras faciais e em diversos produtos de beleza.

Melhora a visão: os ovos contém a vitamina A ou Retinol, como também é chamada, que é responsável por esse benefício.

Fortalece os ossos: os ovos de corda é fonte de cálcio. Sendo assim, ele fortifica o nosso esqueleto e regula a nossa divisão celular.

Renova a energia: isso acontece porque eles contém fosforo, um nutriente essencial para a nossa saúde e bem-estar.

Ajuda a melhorar a memória: os ovos de codorna ajudam a melhorar a memória, aumentando a atividade do cérebro e regulando o sistema nervoso.

É bom para a próstata: o ovo de codorna ajuda a combater a próstata porque as suas glândulas da próstata são fornecidos com fosforo, proteínas e vitaminas. Estes são nutrientes vitais que podem melhorar a sua libido.

Então é isso, espero que tenham curtido a dica fit de hoje, e se você ainda não tem o costume de comer ovos de codorna, passem a ter porque sem duvidas é um ótimo alimento para a saúde e bem estar do nosso corpo.

Fort abraço e beijo na bunda! 💋

Bebidas que hidratam o corpo pós treino

Heey galera! Beleza? Hoje vim falar sobre bebidas que hidratam o corpo pós treino. Bom, não adianta só fazer exercícios frequentemente e comer bem, se hidratar corretamente também é importante para manter uma vida saudável. Quando praticamos atividades físicas, nosso corpo fica desidratado e perde liquido, a reposição de líquido tem que ser feita imediatamente após o término do exercício, continuamente e de forma fracionada.

Quando o assunto é hidratação, a primeira coisa que nos vem à cabeça é a água, certo? Porém, ela não é a unica opção. Existem outras bebidas para hidratar o corpo. Confiram:

Água natural:

Agua

A água pura e natural pode não nos fornecer os eletrólitos e carboidratos que as outras bebidas nos fornecem, mas hidratar-se com água já é o suficiente para controlar a temperatura corporal, aumentar o fluxo sanguíneo, retardar a fadiga, evitar câimbras e o aumento da frequência cardíaca.

Água de coco:

Agua de coco

A água de coco é considerada um isotônico natural, já que apresenta vários minerais, como sódio, potássio, fósforo e cloro. Por isso, além de hidratar, ela ajuda na recuperação de minerais. Mas o seu teor de carboidrato é um pouco menor que o ideal.

Leite:

Leite

Há estudos que indicam o leite como uma alternativa de hidratação após o treino, devido ao seu equilíbrio natural de sódio, carboidratos e proteínas, ajudando o corpo na recuperação do exercício. Nessas pesquisas, aqueles que beberam leite após os treinos relataram se sentir mais inchados, provavelmente devido ao teor de proteína, mas foram mais reidratados em comparação aos que beberam bebidas esportivas.

Suco de frutas naturais:

Suco de frutas naturais

Ricos em vitaminas e minerais, os sucos de frutas fornecem energia e hidratam o corpo. Além de refrescantes, fornecem energia, acalmam e hidratam. Mas devem ser alternados com a água e não é recomendável substituí-la.

Bebidas isotônicas:

Bebidas isotonicas

São bebidas cuja composição é semelhante aos fluidos do nosso corpo e devem ser usadas, principalmente, para repor água e sais minerais perdidos pela transpiração. Alguns exemplos de isotônicos são o soro caseiro, a água de coco e algumas fórmulas industrializadas como: Gatorade, SportDrink, Marathon, SportFluid, SportAde, etc..

Atenção: algumas pessoas que não gostam muito de beber água preferem as bebidas isotônicas pelo sabor, porém é importante ter cuidado,pois elas podem atrapalhar sua dieta se não forem bem calculadas. E, por conta dos sais minerais em excesso, gestantes, lactantes, pessoas com hipertensão e/ou diabetes e pacientes com doenças renais não devem consumir a bebida isotônica industrializada.

Imagens: 1.2.3.4.5

Fort abraço e beijo na bunda! 💋

Treino HIIT: Queimando gorduras rapidamente

Heey galera! Beleza? Hoje eu vim aqui falar sobre o treino HIIT (High Intensity Intermittent Training ou Treinamento Intervalado de Alta Intensidade) que nada mais é que intercalar um treino de alta intensidade com baixa intensidade.

O HIIT é uma excelente forma de queimar gorduras, e é bastante recomendado pelas pessoas que praticam e pelos profissionais. Além das pesquisas evidenciarem um maior gasto calórico, para quem quer emagrecer essa é uma ótima alternativa.

hiit

Vantagens do Treino HIIT:

A maior vantagem desse tipo de treino é aumentar o efeito EPOC, ou seja, o excesso de consumo de oxigênio pós-exercício. Quando você treina pra valer, o corpo demora várias horas para voltar ao seu estado normal. Durante esse tempo, o metabolismo continua acelerado e, com isso, seu corpo irá demorar pra voltar ao normal até 48 horas! Ou seja, mais calorias serão gastas. E é por isso que ele se torna um exercício super eficaz! Melhora também a Capacidade Cardiovascular, pois aumenta a absorção de oxigênio (V02 Max ou capacidade aeróbica) de forma mais rápida do que exercícios aeróbios de baixa intensidade, bem como, auxilia a produção de hormônios para lipólise. – Fonte: Dicas de Treino

Como funciona o Treino HIIT:

O treino consiste em realizar um exercício com intensidade máxima durante um curto tempo predeterminado (1 a 2 minutos, por exemplo), intercalando o mesmo exercício ou outro com intensidade baixa (por 2 a 3 minutos, uma espécie de descanso ativo), o que possibilita que o corpo elimine o ácido láctico do sangue, permitindo assim que o indivíduo tenha tempo suficiente para se recuperar e realizar outro intervalo de alta intensidade. – Fonte: Dicas de Treino

Você consegue fazer os treinos de alta intensidade em até no máximo 30 min. E o melhor é que você pode fazer o HIIT praticamente em qualquer lugar, não só na academia. Com qualquer aparelho, ou até mesmo sem nenhum. Também não precisa ser feito necessariamente em aparelhos aeróbicos, as possibilidades são muitas! O ideal é fazer esses exercícios no minimo 4 vezes por semana e logo, logo você vai ver resultados rápidos e increíveis de perda de gordura e tonificação.

Exemplos de exercícios que podem ser feito no Treino HIIT:

Este é um modelo básico de treino HIIT, onde você pode escolher o exercício que vai executar. Você pode optar pelo ciclismo, corrida, pular corda, jump e muito mais. O ideal é respeitar ao máximo os períodos de alta intensidade e de descanso. Também é importante alternar o HIIT com treinamentos resistidos, para evitar lesões e promover um maior aumento da massa magra. – Fonte: Treino Mestre

Vejam dois videos que eu selecionei para vocês se inspirarem e terem mais noção do que é o treino HIIT na prática.

Então é isso galera, espero que tenham curtido o post e boa sorte pra vocês que vão começar a fazer o treino HIIT.

Fort abraço e Beijo na bunda! 💋